E-commerce: como aproveitar o Dia dos Pais para vender mais

Segundo um estudo divulgado pela Mastercard, o comércio eletrônico cresceu 75% em 2020 e a modalidade chegou a representar 11% das vendas do varejo

21 de julho de 2021 10:54
Desde o ano passado, o setor varejista tem enfrentado desafios para manter suas vendas e alcançar metas. As mudanças de comportamento e hábitos das pessoas foi evidente, principalmente devido às restrições de funcionamento do comércio. Diante disso, as vendas pela internet chegaram como uma solução para manter o negócio vivo. Segundo um estudo divulgado pela Mastercard, o comércio eletrônico cresceu 75% em 2020 e a modalidade chegou a representar 11% das vendas do varejo. Essa participação, antes da pandemia, era de apenas 6%.

Com exceção da Black Friday, o Dia dos Pais é mais uma data certa para aproveitar e transformar a movimentação em faturamento. E para que isso aconteça de forma eficaz, as marcas vêm apostando em estratégias de marketing digital. O investimento em anúncios no Facebook e no Instagram, por exemplo, cresceu 60% no primeiro trimestre de 2021, se comparado ao ano anterior. Para Sérgio Lima, publicitário e especialista em marketing digital e mídia de performance, o mercado digital está cada vez mais competitivo e é necessário que os profissionais estejam atentos às tendências e busquem maneiras de oferecer outros tipos de opções para seus clientes.

Diante disso, além de preparar preços especiais para o período e investir nas plataformas digitais, reunimos dez dicas de como o e-commerce pode aproveitar essa data para movimentar o setor. Confira:

Invista em plataformas de cotação e geração de fretes

O comércio eletrônico se consolidou de forma rápida no Brasil e as plataformas de cotação e geração de fretes tornaram-se alternativas para alavancar as vendas do setor. “Questões como o valor do envio e campanhas de desconto ou gratuidade na entrega chamam atenção e muitas vezes são considerados fatores determinantes para o cliente realizar a compra ou não. Então, oferecer diferentes opções de fretes dá aos consumidores o direito de escolha e, principalmente, aumenta a chance dele prosseguir com o pedido”, comenta Éder Medeiros, CEO do Melhor Envio .

Amplie suas opções de pagamento

O momento de pagar é um dos mais importantes na hora de vender, e não ter o melhor método de pagamento para o cliente pode ser motivo de desistência da compra. “Oferecer opções de pagamento que atendem diferentes perfis de consumidores é importante para aumentar as conversões de vendas. Apesar do cartão de crédito liderar a preferência dos consumidores na hora de comprar online, formatos de pagamento alternativos ainda representam uma grande porcentagem das transações no e-commerce” explica Ralf Germer, CEO da PagBrasil , fintech brasileira líder no processamento de pagamentos para e-commerce ao redor do mundo.

Aposte nos chatbots

Os chatbots não apenas respondem dúvidas simples dos consumidores, mas realizam ações efetivas como, auxiliar no processo de compra, prestar suporte técnico e oferecer conteúdos relevantes ou informações de produtos ou serviços para os clientes. “Datas comemorativas, como o Dia dos Pais, geram mais tráfego e, consequentemente, mais vendas para muitos e-commerces. No entanto, é preciso estar preparado para lidar com um volume maior de atendimento. Se a experiência do cliente é deixada de lado, muito provavelmente ele não voltará a consumir da sua marca. Por isso, é importante contar com a ajuda de um chatbot, que poderá auxiliar o consumidor em diferentes etapas da sua jornada de consumo, de forma simples, ágil e assertiva”, diz Rafael de Paula Souza, CEO da Ubots , startup fundada em 2016, que participou do StartOut Brasil e possui clientes no Brasil e Chile.

Invista em soluções antifraude

Todos os dias são realizadas diversas compras no e-commerce, mas elas tendem a se intensificar em datas comemorativas. E, junto delas, aumentam também as tentativas de fraude, que acabam gerando prejuízos desnecessários para os lojistas. “Os criminosos virtuais se aproveitam dos grandes volumes de vendas nesses momentos para agir com mais força, acreditando que suas tentativas de golpe não vão ser notadas em meio a tantos pedidos. Para combater essa prática, é essencial que os e-commerces invistam em soluções antifraude que garantam a segurança das operações, resultando no aumento das taxas de conversão e maximizando o faturamento”, comenta Tom Canabarro, CEO e cofundador da Konduto , antifraude para pagamentos online.

Invista em tecnologia, mas humanize seu atendimento com seu cliente

O comportamento do consumidor tem um impacto significativo na jornada de compra, que pode fazer a diferença para as marcas. Mas, segundo Gisele Paula, CEO e fundadora do Instituto Cliente Feliz , empresa que aplica soluções e metodologias para melhorar a experiência das empresas com seus clientes, atualmente, o grande desafio das empresas é manter um atendimento humanizado proporcionando conexões emocionais principalmente no cuidado do envio dos produtos.

“Esse tipo de atendimento passou a ser essencial na jornada de compra. Porém o momento é delicado e as marcas precisam entender que o pós compra no Dia dos Pais será de suma importância. Diante disso, é preciso de um cuidado ainda maior para entregar os produtos dentro do prazo no e-commerce e elas não podem falhar com o presente do Dia dos Pais de alguém. Então, organize sua casa, tenha um processo consciente, não entre em uma campanha para o dia com backlog, para você fazer as entregas daquilo que vender. Cliente insatisfeito não compra mais e não recomenda”, conclui Gisele.

Integre a loja física em todos os meios digitais

Migrar uma marca para todos os meios digitais se tornou uma prática indispensável para comerciantes que possuem lojas físicas e querem atrair e fidelizar os seus clientes, inclusive em datas sazonais como o Dia dos Pais. “Estamos vivendo uma nova realidade no varejo e por isso, é preciso se reinventar para atender com eficiência os consumidores. É muito importante que as marcas estejam presentes nos canais digitais, seja nas redes sociais como Facebook, Instagram, Tik Tok como também nos aplicativos de mensagens, que tem disponibilizado recursos tecnológicos e integrados com outros meios para facilitar as vendas dos lojistas, tornando-as mais seguras. Isso fará com que as empresas fiquem mais próximas do seu público-alvo e os atenda com excelência e de maneira personalizada”, explica Jefferson Araújo, CEO da ShowKase , startup que oferece uma plataforma completa para simplificar o processo de digitalização dos negócios.

Escale a operação de venda

Para os vendedores que querem ter a oportunidade de garantir uma renda de forma totalmente remota, e para empreendedores que estão em busca de soluções inteligentes para aumentar as vendas, a SalesFarm oferece uma plataforma completa. “Nós ajudamos na terceirização da força de vendas por meio de um software, sendo a primeira Sales as a Service do Brasil. Isso permite que o vendedor cadastrado tenha acesso a centenas de produtos e serviços para oferecer à sua rede de clientes, e os empreendedores têm a oportunidade de contratar uma operação de vendas completa. Além disso, a plataforma conta com solução para geração de leads baseado no perfil de consumidor ideal da empresa e também conecta e roteiriza leads para o time de vendas, baseado em canais de aquisição e lead score”, conta Fábio Oliveira, CEO da SalesFarm.

Invista em uma experiência digital mais inclusiva e conectiva

Em um negócio online, investir na experiência do cliente é um dos pontos principais para conquistar esse público e, consequentemente, aumentar os lucros. De acordo com Joseph Lee Kulmann, CEO da Pessoalize, startup que oferece soluções digitais, é comprovado que clientes que têm uma boa experiência, têm um ticket maior e ainda são mais propensos a indicar novos clientes. No ambiente digital essa experiência tem uma potência ainda maior, pois inclui questões como usabilidade, acessibilidade, eficiência no atendimento que são fatores essenciais para que o cliente se sinta seguro e se identifique com a marca.

Aposte no CRM

Uma das ferramentas mais assertivas para alavancar as vendas é adotar estratégias de CRM que aumentem o engajamento dos consumidores. Um levantamento feito pela McKinsey & Company, consultoria empresarial americana, reforça que as organizações que interagem com seus clientes de maneira diferenciada podem aumentar a receita em até 30%. “O primeiro passo para o sucesso dos programas de relacionamento é conhecer muito bem os consumidores e quais são seus hábitos de consumo. O e-commerce precisa investir em soluções que tornem a jornada de compra única, oferecendo experiências mais personalizadas e que atendam as reais necessidades dos clientes. Quando bem executado, o CRM traz resultados cada vez melhores, aumentando as vendas e engajando clientes”, conta Danilo Nascimento, sócio diretor da Propz , startup que oferece soluções de CRM e Inteligência Analítica especializada em personalização do consumo para varejo.

Melhore o engajamento do consumidor

Com a mudança de comportamentos dos brasileiros, diversas marcas precisaram criar soluções para se aproximar de seus clientes e oferecer uma melhor experiência de compra. Para isso, a tecnologia de realidade aumentada (AR) tem sido bastante utilizada como forma de ajudar no engajamento com os consumidores. Aos poucos ela tem ganhado espaço no mundo dos negócios, podendo ser acessada diretamente nos navegadores dos smartphones, sem a necessidade de instalar nenhum aplicativo.

“A realidade aumentada é muito versátil. Todas as empresas que querem oferecer uma melhor experiência de compra deveriam considerar um investimento nessa tecnologia, principalmente nesse momento que estamos passando onde o distanciamento social gerou uma grande mudança do comportamento de consumo e as pessoas passaram a comprar mais pelos canais digitais. A realidade aumentada é essencial para aproximar e engajar o público com as marcas e seus produtos, pois permite que os consumidores visualizem estes produtos de forma super realista, quase que física, o que contribui para uma maior certeza e clareza do que se está adquirindo”, explica Marcos Trinca, Head de XR da More Than Real , startup brasileira referência global no desenvolvimento de experiências de realidade aumentada e visão computacional.
Publicidade

Desenvolvido por: Leonardo Nascimento & Giuliano Saito